Há dias em que…

Este ano tive alguma dificuldade em entrar no espírito de Natal. Nao obstante onde quer que fosse o Natal se me entrar pelos olhos (e pelos ouvidos) a dentro, em casa as decorações continuavam guardadas. Era frequente ser acometida por uma angústia aparentemente inexplicável que me desmotivava e entristecia; não me conseguia convencer a decorar a casa perguntando-me com frequência “para quê?”. E por isso a casa permanecia despida de ornamentos e qualquer alusão ao Natal ficava para lá da porta da entrada. Nem os meus senhorios decoraram a casa porque são judeus e por isso não festejam o Natal.

Comecei a questionar-me sobre tudo: a minha árvore de dois metros que vi reduzida a 50cm quando me mudei para cá (pela falta de espaço); a minha família longe; o segundo Natal passado fora de casa…. Houve uma altura que até a música me parecia ferir os ouvidos e cheguei a andar de earphones nas lojas só para não a ouvir. Tive, por isso, alguma dificuldade em sorrir e be merry quando só me apetecia hibernar e acordar em 2015.

IMG_6415Depois, numa tarde sem nenhuma razão em particular, resolvi espalhar umas luzes pela casa; chegaram as minha luzes be happy da Holanda e a casa ficou banhada numa acolhedora luminosidade difusa e sem ainda me decidir a tirar a árvore da caixa pus um boneco de neve à porta de casa mesmo correndo o risco de se partir com a alegria esfuziante de Harry ou a bonomia possante de Charlie (os meus vizinhos caninos).

IMG_6412

E meia reconciliada com a vida, eventualmente, tirei a árvore para a luz do dia e pus uma coroa na janela com luzinhas. Seguiu-se uma alusão ao presépio, umas velas a bruxulear, experiências na cozinha que espalharam um aroma doce pela casa e uns telefonemas para casa que encurtaram a distância entre mim e eles e me animaram um bocadinho, e pouco a pouco senti-me mais tranquila e, quase receio dizê-lo, em paz.

Por vezes ainda me pergunto “para quê?” mas depois respondo: “porque sim. Simplesmente porque sim. Porque posso estar longe e sozinha mas eu também mereço e gosto do Natal.” E todos os dias repito isso e afinal não foi preciso hibernar…

IMG_6509Mas que há dias em que custa muito, isso sem dúvida…

IMG_6495

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s